quarta-feira, setembro 16, 2009

Uma cidade a azul e branco



Apresento Sidi Bou Said (tradução santo pai feliz), cidade nos arredores de Túnis, que é talvez a cidade mais mimosa da Tunísia.
Uma das características mais simpáticas da Tunísia são os edifícios brancos e Sidi Bou Said acrescenta mais um pormenor mimoso, o azul.
As janelas são azuis.





As portas, grades e placas das casas são azuis. Causa uma certa estranheza, uma vez que a cor do Islão é o verde e costuma ver-se muito de países muçulmanos.
Fica a dúvida do local onde foram os tunisinos roubar este belo tom de azul.
Acham que foi ao mar ou ao céu?

Estou convencida, pela vista da cidade, que os pormenores azuis afugentaram todas as outras cores.
Mas tenho de admitir que, à vista desarmada, é mais bonito que Malta, que pende mais para o amarelo, entre nós conotada como a cor do desespero...

Até os bancos são azuis. E não fosse alguma vegetação aqui e ali, não se veria o verde folha nem o rosa e vermelho das flores.
Mas nem só de azul e branco se faz o encanto da cidade. Os azulejos também dão um ar da sua graça.




Até as escadas dão um ar da sua graça, em azul e azulejo.
Programa a escrever no caderninho em caso de deslocação à Tunísia: beber um chá de menta com pinhões num café de Sidi Bou Said, com vista para o azul das casas e o azul do mar.

6 comentários:

Gi disse...

Faz lembrar a região do Alentejo em tanta coisa.

Precious disse...

Aqui usam mais azul que no Alentejo e não há camelos aqui no burgo (dos de quatro patas, bem entendido) :)

Noiva Judia disse...

Parece-me uma excelente sugestão e a cidade parece lindíssima.

Precious disse...

É mimosa, sim, senhora.

Hannah disse...

Ia sugerir que se tinham inspirado no Alentejo, mas a Gi fê-lo por mim :)

Precious disse...

Ou terá sido o Alentejo a inspirar-se neles, via ocupação árabe? :)