quinta-feira, novembro 19, 2009

Quem não passa por la Pasa, não se casa



Segundo e último Post da saga Madrid II.
No centro histórico da capital de Nuestros Hermanos, existe uma rua mimosa que se chama Calle de la Pasa. Ora, quem não passa nesta rua, não se casa.




É aliás o mote deste estabelecimento comercial, baseado em tempos que lá vão.
Antigamente, o registo civil era situado aqui e os casais que queriam enforcar-se, tinham que vir a esta rua tratar dos papéis. Logo, quem não passa em la Pasa, não se casa (porque não tem papéis).
E quem passa por La Pasa, casa-se? Eu passei e ainda não casei ;)

8 comentários:

Gi disse...

Quien pasa por La Pasa se pasa.

Precious disse...

Eu já me passo sem passar na Pasa ;)

Noiva Judia disse...

E eu ainda nem fui a Madrid, mas sou Noiva... E esta, hein?

Precious disse...

Esperemos que não se casem apenas os que passam na Pasa, senão há aí muito casamento nulo.

Elsa disse...

ainda bem q avisas q vou manter-me longe!

Precious disse...

Não é certo, Elsa, que que a premissa ao contrário seja verdadeira, mas nunca fiando ;)

Papoila disse...

Também me constou que «de Espanha, nem bom vento nem bom casamento». Se calhar não é mau indicador, esse de ainda não teres casado.

Precious disse...

Olha que os casamentos de La Pasa costumavam ser 100% espanhóis. Assim não se estragam duas casas, não é? ;)